sábado, 3 de outubro de 2009

Olá Outono


É Outono.
Setembro partiu alegre e cheio de luz; levou com ele o Verão, as nortadas frescas ao fim da tarde, o sol abrasador e tórrido, as esplanadas regorgitando de gente.
Ficaram amizades de praia, o livro que não se conseguiu ler até ao fim; ficou por fazer aquela visita especial.
Ficou a saudade.
Até para o ano!

As folhas já executam lindos e coloridos bailados ao som das brisas outonais.
A chuva não tarda e, então, poderemos assistir ao espectáculo da renovação da vida, ao ver brotar da terrra seca e corada pelo Sol, as mimosas flores silvestres e a erva fresca e viçosa.

6 comentários:

elvira carvalho disse...

E chegou o Outono. Eu não gosto do Outono que quase todos os anos me trás coisas más.
Um abraço e bom fim de semana

Justine disse...

Sim, ele está aí, nas suas cores doces e calmas. Hoje até chouveu, e como é bom o cheiro a terra molhada.
Um abraço

Ana Oliveira disse...

Também gosto do Outono e dos verdes que surgem a misturar-se com os castanhos e vermelhos que partem.
É uma estação linda.

Um beijo

Ana

O Árabe disse...

Aqui, chega a primavera. A vida sempre se renova! :) Boa semana, amiga.

Graça Pires disse...

O outono: o espaço onde as mágoas se confundem com a coragem.
Um beijo, amiga Benó.

Baby disse...

Por estas e por outras é que eu gosto tanto do Outono, das folhas caídas no chão restolhando à nossa passagem, do ar limpo e tranquilo, da paz que se sente ao respirá-lo...gosto do Outono, embora me transmita uma certa nostalgia.

Beijinhos.