quarta-feira, 28 de julho de 2010


Com o poema que transcrevo a seguir, do poeta Vieira Calado, termino este período de actividade bloguista que ultimamente tem andando fraca, confesso.

Em Setembro voltarei para nos reunirmos, lermo-nos e sonharmos.


IR

Ir
até onde o barco tiver mar
até onde a vela tiver vento
até onde a crença tiver onde.

Ir
até a vela se romper
até o barco se afogar
até a crença se esvair.

Ir
até quando a vela tiver vento
até quando o medo tiver mar
até quando a crença tiver onde.
Até lá, um abraço.


11 comentários:

Graça Pires disse...

Termina bem, com o belo poema do poeta Vieira Calado. Boas férias. Esperamos por si em Setembro. Um grande beijo.

Justine disse...

Deixas-nos em excelente companhia, Benó!
Que tenhas um bom descanso,e então até Setembro, para sonharmos juntos:)))

O Árabe disse...

Boas férias, Benó! :) Fica bem.

Baby disse...

Maravilhoso poema do nosso poeta Vieira Calado!
Ir até onde o corpo e a mente nos pedirem...
Bom descanso.
Um abraço amigo.

livia soares disse...

Olá, Benó.
Estou voltando aos blogs.
Restaurando as conexões e esperando a sua volta.
Um abraço.

Maria Bettencourt Lemos disse...

Cara Benó , olá!

Obrigada pela visita e simpatia.
Felicidades para o seu Paxa!
Um abraço e boas férias!
Maria Lemos

José Maria Lobato disse...

Olá, tenho em estudo um ante-projecto de maneira a divulgar e comercializar até o Artesanato Português no Brasil, tão pouco divulgado por terras de Vera Cruz, bem como a música Lusa, a culinária e outras artes. Afinal, nós Portugueses, somos apaixonados pelo Brasil e por todas as manifestações culturais que vêem daqui, desde as telenovelas, música, artes e até futebol, porque não dar a conhecer as nossas raízes e costumes um pouco mais no país irmão? A sua opinião e eventual apoio a esta iniciativa interessam, agradeço visite meu Blogue e opine a respeito, obrigado, Zé Maria
Link: http://josemarialobatoartesanato.blogspot.com/2010/08/ante-projecto-artesanato-portugues.html

elvira carvalho disse...

E pode-se dizer que termina com chave de ouro. Até Setembro então.
Um abraço

Baby disse...

Ir...até onde a saudade permitir.

Que bom ler umas palavrinhas suas, é que a saudade é recíproca!

Bom regresso.
Beijinhos.

livia soares disse...

Bem, querida,
cá estamos a esperar a sua volta.
Um abraço.

tulipa disse...

E Setembro já vai no dia 25...

Chegou a estação do ano que eu mais gosto - Outono.

Estive agora 1 semana de férias em Tavira pois sempre fui adepta de férias em época baixa.
Só hoje, já em casa, posso aceder aos blogues e fazer umas visitas.

Boa escolha a sua.
Um dos belos poemas de V.Calado.

Estive em Lagos com a amiga Baby e o amigo Vieira Calado, foi um encontro muito agradável.

Convido-a a ver o post que fiz sobre a minha participação no "5º Raid Fotográfico da Moita" no blog "Deabrilemdiante".

Abraços outonais.
Bom fim de semana.