segunda-feira, 26 de maio de 2008

Fantasias


Olho para o horizonte da minha imaginação e,


à luz vibrante de cada madrugada,


abrem-se girassóis em forma de violino.

8 comentários:

O Árabe disse...

Bela foto, Benó... e o texto bem reflete o sentimento. Quem disse que a poesia precisa ser longa? :) Boa semana.

Graça Pires disse...

Lindo. Poético. Optimista.
Um beijo amiga Benó.

EDUARDO disse...

Mais um beijão estimada Benó! Lindo!!!

Baby disse...

Mas que imagem poética tão interessante!
Aposto que os girassóis não resistiram e executaram uma bela sinfonia em louvor do sol que despontava...
Sempre inspirada, a amiga Benó.

Um beijinho com votos de bom fim de semana.

O Árabe disse...

Passando para deixar um abraço e desejar que estejas bem, cara amiga!

Espaço do João disse...

Reparem que os girassóis estão sempre voltados para o sol, seja lá o ponto onde estejam plantados.Então, se forem em nossos corações nunca param de girar. Haverá sempre girassóis.

elvira carvalho disse...

Passei por aqui. Deixo um abraço e votos de bom fim de semana.

Um Momento disse...

Linda imagem ao "som" de tão belas palavras coloridas:))))))))

Beijo sorrindo!

(*)